João 5.4: Porque esse versículo sumiu da minha Bíblia?

Na maioria das Bíblias em português (ARA, ARC, NTLH, NVI, AS21) esse versículo ainda aparece entre colchetes, normalmente com uma nota de rodapé explicando que o versículo não se encontra em alguns manuscritos importantes. Já nas versões americanas ESV, NIV, NET, bem como nas edições gregas NA28 e SBL, o texto aparece apenas em notas de rodapé e em aparatos críticos.  

A difícil pergunta que temos que fazer é: o versículo 4 é parte do texto original que o apóstolo João escreveu? 

A evidência para que esse texto não seja original é bem maior do que para a sua originalidade. Os importantes papiros P66 e P75 (século 2), e os códices Álef (א, Codex Sinaiticus, século 4), B (Codex Vaticanus, século 4), C (Códex Ephaemi, século 5), D (Codex Bezae, século 5), T (Codex Borgianus, século 5), W (Codex Washingtonianus, século 5). O texto também não está presente nas traduções antigas do Novo Testamento para o latim, o siríaco e o cóptico. O manuscrito mais antigo que contém o versículo 4 é o Codex Alexandrinus, do século 5 (A) e alguns manuscritos do século 10 em diante que incluem a passagem, colocam uma marca (- ou ÷) apontando para um questionamento de sua originalidade. 

Assim, para uma resposta rápida, ao que tudo indica, considerando os manuscritos que temos hoje à nossa disposição, essa passagem não foi originalmente escrita por João, mas inserida por algum copista antigo, querendo explicar a situação narrada no texto.  

Indo mais Fundo 

Na edição grega Nestle-Aland 28ª edição, o texto de João 5.3-5 aparece da seguinte forma: 

3 ἐν ταύταις κατέκειτο πλῆθος ⸆ τῶν ἀσθενούντων,* τυφλῶν, χωλῶν, ξηρῶν ⸇. ⸆1 *5 ἦν δέ ⸂τις ἄνθρωπος ἐκεῖ⸃ ⸄τριάκοντα [καὶ] ὀκτὼ ἔτη⸅ ἔχων ἐν τῇ ἀσθενείᾳ αὐτοῦ·* 

Para aqueles que não leem o Grego, segue uma versão em português com os símbolos de crítica textual que estão na versão NA28: 

3 Em aqueles ficavam deitados muitos ⸆ doentes*: cegos, coxos e paralíticos ⸇. ⸆1 *5 E estava ⸂certo homem ali⸃ que há ⸄trinta e oito anos⸅ estava enfermo·* 

Qual é o significado desses símbolos? Uma das novidades da versão grega Nestle-Aland 28 é que eles mudaram os símbolos do aparato crítico para facilitar a sua leitura. Os símbolos usados nesse texto tem o seguinte significado: 

⸆ Aponta para uma inserção no texto, seja de uma palavra, seja de um ou mais versículos inteiros. 
Usado para apontar que alguns manuscritos contém uma numeração diferente da numeração de versículos ou capítulos que encontramos no texto grego da NA28. 
[ ] Estudiosos estão incertos quanto a inserção ou não de textos entre colchetes 
⸂ ⸃ O trecho que aparece entre esses sinais, figuram em alguns manuscritos com outras palavras ou em outra ordem. 
⸇ ⸄ ⸅ A pequena bolinha preta serve apenas para mostrar que essa é a segunda vez que aquele mesmo sinal é usado no mesmo versículo. 

Note que o versículo 4 é totalmente suprimido no texto grego da NA28. Quando olhamos o aparato crítico, encontramos o seguinte: 

3 ⸆ πολυ A K Γ Δ Θ Ψ 078 ƒ1.13 565. 700. 892. 1424 𝔪 lat syp.h 

  ¦ txt 𝔓66.75 א B C D L T Ws 33. 579. 1241 it syc co 

⸇ (+ παραλυτικων D it) εκδεχομενων (εκδεχομενοι Ws) την του υδατος κινησιν Ac C3 D K Ws Γ Δ Θ Ψ 078 ƒ1.13 33. 565. 579. 700. 892. 1241. 1424 𝔪 lat syp.h bopt 

  ¦ txt 𝔓66.75 א A* B C* L T q syc co 

⸆1 [4] αγγελος γαρ (δε L; + κυριου A K L Δ ƒ13 it vgcl ; + του θεου 1241) κατα καιρον κατεβαινεν (ελουετο A K Ψ 579. 1241 r1 vgmss) εν τη κολυμβηθρα και εταρασσε (εταρασσετο C3 078 c r1 vgcl) το υδωρ· ο ουν πρωτος εμβας μετα την ταραχην του υδατος υγιης εγινετο ω (οιω A L) δηποτε (δʼ αν K; + ουν A) κατειχετο νοσηματι A C3 K L Γ Δ Θ Ψ 078vid ƒ1.13 565. 579. 700. 892. 1241. 1424 𝔪 (it) vgcl syp.h bopt; (Tert) 

  ¦ txt 𝔓66.75 א B C* D T Ws 33 f l q vgst syc co 

5 ⸂ τις εκει ανθρωπος 𝔓66 Ψ 

  ¦ τις ανθρωπος א 

  ¦ ανθρωπος εκει D l (⸉ 1241 it) 

⸄ληʹ ετη (− 𝔓75*) 𝔓66c.75 

  ¦ ετη ληʹ 𝔓66* 

  ¦ μʹ και ηʹ ετη Ws 

  ¦ τριακοντα οκτω ετη B K Γ Θ 892. 1424 pm 1 vgmss 

  ¦ txt א A C D L T Δ Ψ 078 ƒ1.13 33. 565. (− ετη 579). 700. 1241 pm 

Em suma, o que isso tudo quer dizer é que no versículo 3 existe a inserção da palavra πολυ (muito). Evidentemente, entre os versículos 3 e 5 existe a inserção do conteúdo que aparece em nossas Bíblias como versículo 4. Os estudiosos que fizeram o aparato apresentam as listas dos manuscritos mais importantes que contém e que não contém o texto (o que aparece como txt sempre aponta para a versão que eles decidiram imprimir como senso a original). O versículo 4 aparece com palavras diferentes em diferentes manuscritos. Uma dessas mudanças é o acréscimo da expressão “de Deus” depois de anjo, que vemos na NVI. Esse trecho do aparato que apresentamos aqui também mostra as pequenas diferenças que existem no versículo 5. 

Bruce Metzger, importante estudioso da Bíblia, afirma o seguinte sobre o versículo 4: 

5:4 omite versículo {A} O versículo 4 é uma adição explicativa ao texto original. O seu caráter secundário fica claro a partir de (1) sua ausência nas testemunhas [manuscritos] mais , antigas e melhores1; (2) a presença de astericos ou obeli para marcar as palavras como não-originais em mais do que vinte testemunhas gregas2; (3) a presença de palavras ou expressões não joaninas (κατὰ καιρόν, ἐμβαίνω [sobre ir para a água], ἐκδέχομαι, κατέχομαι, κίνησις, ταραχή, δήποτε, e νόσημα—as quatro últimas palavras aparecendo somente aqui no Novo Testamento) e (4) a extensa variedade de formas variantes nas quais o versículo é transmitido. A versão francesa inclui a adição no texto em colchetes [assim como as portuguesas], com uma nota de rodapé afirmando: “A passagem colocada entre colchetes (final do v. 3 e v. 4) não é encontrada em muitos manuscritos antigos”. A maioria das traduções modernas, no entanto, não incluem a adição no texto, mas, em vez disso, o traduzem em uma nota de rodapé e afirmam que o mesmo é encontrado em “outras autoridades antigas” ou “alguns manuscritos antigos”.3 

Leia mais sobre isso: 

Crítica Textual Dica Exegética

João Paulo Thomaz de Aquino Visualizar tudo →

Olá, meu nome é João Paulo e é um prazer recebê-lo em meu blog. Sou pastor da Igreja Presbiteriana JMC, em Jandira-SP. Também sou professor de Novo Testamento no Centro Presbiteriano de Pós-Graduação Andrew Jumper e no Seminário Teológico Presbiteriano JMC. Meu currículo inclui: Doutor em Novo Testamento pela Trinity International University (2019), Doutor em Ministério pelo Centro Presbiteriano de Pós Graduação Andrew Jumper / Reformed Theological Seminary (2014), Mestre em Antigo Testamento pelo Centro Presbiteriano de Pós-Graduação Andrew Jumper (CPAJ, 2007), mestre em Novo Testamento pelo Calvin Theological Seminary (2009) e bacharel em Telogia pelo JMC (2002) e pela Universidade Mackenzie. SDG.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: